sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Eu li: Death's Excellent Vacation

Sou maluca pelas coletâneas organizadas pela Charlaine Harris (criadora da série de livros da Sookie Stackhouse, que inspirou o seriado True Blood). e pela Toni L. P. Kelner - já resenhei outra aqui, a Many Bloody Returns - com todas as histórias envolvendo vampiros e aniversários.

Ando com super pouco tempo pra ler literatura (tenho estudado muito e lido muita coisa técnica), então demorei horrrrooooores pra terminar de ler o Death's Excellent Vacation. Livros assim, de contos, são ótimos pra quem não pode passar horas e horas lendo, já que em uma hora vc leu uma história completa  -alguém já demorou meses pra ler um livro e quando estava terminando nem lembrava direito mais como ele tinha começado? Pois é, com esse tipo de livro não tem como isso acontecer.

Bem, o tema dessa coletânea, como dá pra supor pelo título Death's Excellent Vacation (As Excelentes Férias da Morte - só eu achei que esse título em português não fica legal?), são as férias e, como em todas as coletâneas da dupla, os seres sobrenaturais. Nesse livro não só os vampiros que são protagonistas: tem fantasma, lobisomem, gente que prevê o futuro... enfim, de tudo.

Um dos principais motivos pra eu comprar esse tipo de livro é conhecer novos autores - como a Charlaine já escreveu o último livro da Sookie, estou meio órfão de histórias sobrenaturais, daquelas que nos fazem esquecer por um momento do tipo de mundo em que a gente vive (que muitas vezes é mais assustador do que um cheio de vampiros e lobisomens e fadas). Bem, não foi dessa vezes que encontrei uma nova história para acompanhar: nenhum conto chega a ser ruim, mas nada me empolgou loucamente.

Os títulos dos contos do livro e seus respectivos autores:

Two Blondes (Charlaine Harris): Uma pequena história que conta uma viagem que a Sookie fez com a vampira Pam. Nessas coletâneas sempre tem um conto sobre a personagem mais famosa da Charlaine - provavelmente porque ajuda a vender. Um dos contos mais fraquinhos que já li sobre a personagem.

The Boys Go Fishing (Sarah Smith): Sobre uma espécie de super-herói decadente que é contratado para ensinar seus segredos à um grupo de jovens. Achei o conto meio confuso - sabe quando se tenta por informação e referências demais numa história muito curta? A pretensão de criar uma história complexa tirou a leveza da história.

One for the Money (Jeaniene Frost): Uma história de vampiros encontra uma história de investigação - nada muito inovador, mas agradável de ler. Tem vários clichês do gênero: o vampiro bonitão, o vilão ganancioso, a mocinha indefesa, o personagem que surpreende... Enfim, não surpreende, mas agrada mesmo assim.

Meanwhile, Far Across the Caspian Sea... (Daniel Stashower): Outro clichê: o cara que tem grandes pretensões na vida, acaba em um emprego entediante e tem que escolher entre essa vida "normal" e uma que ele nem imaginava que era possível. Meio lento no início, mas por ser um dos contos mais curtos do livro isso não chega a incomodar.

The Innsmouth Nook (A. Lee Martinez): A história tem um início genial - daqueles que a gente não entende bem o que está acontecendo por alguns parágrafos e de repente se surpreende (e volta pro início pra ler tudo de novo). Depois do início extremamente promissor a história com mutantes marinhos decepciona - se eu fosse o autor aproveitaria esse início em outro livro.

Safe and Sound (Jeff Abott): Uma das melhores histórias do livro, trata do desaparecimento de um jovem numa ilha e da tentativa desesperada de uma repórter em encontrar ele para salvar sua carreira. Personagens muito bem construídos, poderia ser um livro inteiro ao invés de só um conto - se o final fosse diferente e existisse uma série toda com os personagens, eu leria.

Seeing is Believing (L. A Banks): Bruxas e lobisomens - e a tensão sexual sempre presente em livros sobrenaturais. Infelizmente não me conquistou.

The Perils of Effrijim (Katie MacAlister): Uma história estranha, com vários seres dos quais nunca houvi falar - talvez seja tudo baseado em algum tipo de mitologia que eu não conheço. Enfim, fiquei meio perdida.

Thin Walls (Christopher Golden): Viuvo sai em viagem, visitando lugares onde foi no passado com uma mulher, numa tentativa de dizer adeus - e obviamente cruzando com uma criatura estranha nessa jornada. Não fede nem cheira.

The Heart Is Always Right (Lilith Saintcrow): Como explicar essa história? Bem, o personagem principal é um gárgula - o que já é bem diferente. E ele tem q sacrificar a pessoa que ele ama para poder ter tudo que sempre quis: a beleza e um nome. Adorei o personagem principal e torci por ele a história toda - apesar de não entender muito bem a montanha de seres diferentes que aparecem e as motivações por trás das coisas. Não funciona tão bem como conto, mas daria um ótimo livro.

The Demon in the Dunes (Chris Grabenstein): Quando terminei de ler pensei: o que diabos essa história está fazendo nesse livro? Completamente diferente das outras, é praticamente uma fábula - lembra das histórias infantis com moral no final?

Home from America (Sharan Newman): Uma história de um garoto que não sabia que era um Leprechaun - e que termina justamente quando parece que vai começar a ficar interessante.

Pirate Dave's Haunted Amusement Park (Toni L. P. Kelner): Garota que acabou de ser transformada em lobisomem sai de férias para sua cidade natal e descobre o segredo do dono do parque de diversões de lá - e o ajuda a resolver um mistério, obviamente se apaixonando no meio do caminho. Cheio de cliches, mas uma literatura super agradável.

Pra quem se interessar, o livro foi lançado em 2010 e a edição que eu tenho é de 2012, em inglês, que está disponível para compra (no momento por míseros $9,96) no The Book Depository (aqui) - eles entregam no mundo e, o melhor, sem custo de frete. Infelizmente ainda não lançaram nenhuma das coletâneas das autores em português...

9 comentários:

Luana Carvalho disse...

Amei o seu blog,
Estou seguindo e se puder me segue.
Siga a minha fan Page que está em baixo do lookbook.
http://meuestiloe.blogspot.com.br/
Beijos ♥

Bruna Letícia disse...

Oii adoro livros marcantes e esses parecem do tipo que você começa a ler e logo quer ler o livro todo!
Bjs, Bruna.
http://moranguinhuemake.blogspot.com

Kesia Abreu disse...

Eu adoro True Blood e já fiquei interessada nesses livros. Vou ver se encontro por aqui.

Bjoos

www.socialgatas.com

winxmake disse...

Ainda nao conheço mais devem ser otimos, gosto muito de livros assim

Um beijao para vc

http://winxmake.blogspot.com.br/

Bia Galvão disse...

eu tb adoro o tema, já li vários e nunca me canso, ainda não tinha lido nada dessa autora, eu acho,rsrsrrs. Mais gostei da dica, mesmo não sendo tão empolgante.
bjsjsjjs

Betty Gaeta disse...

Oi Vi,
Não gosto de filmes ou livros de medo. Sou como criança, depois não durmo!
:)
Tenha uma 3ª-feira maravilhosa.
Bjs

GOSTO DISTO!

Betty Gaeta disse...

Oi Vi,
Não gosto de filmes ou livros de medo. Sou como criança, depois não durmo!
:)
Tenha uma 3ª-feira maravilhosa.
Bjs

GOSTO DISTO!

Betty Gaeta disse...

Oi Vi,
Não gosto de filmes ou livros de medo. Sou como criança, depois não durmo!
:)
Tenha uma 3ª-feira maravilhosa.
Bjs

GOSTO DISTO!

Garota Veneno disse...

Eu amo a série e sou muito curiosa em relação aos livros! Quero conhecer mais sobre a escritora *_*

Beijinhos, beijinhos!
Tamiris Bockmann!